Partilhar
Pré-Diagnóstico

Faça um pré-diagnóstico e identifique qual o seu ponto de dor:

Ombro
tórax
anca
punho / mão
joelho
tornozelo / pé
cabeça
coluna cervical
coluna dorsal
coluna lombar
cotovelo
cóccix
Ombro
tórax
anca
punho / mão
joelho
tornozelo / pé
Clique para rodar o boneco Fisioterapia Lisboa
Ombro

Fraturas do Ombro

As fraturas do ombro ou as fraturas proximais do úmero (osso do braço, perto do ombro) podem ser recuperados de forma simples, mantendo o membro superior imobilizado na posição vertical, deixando a força da gravidade ajudar no alinhamento correcto dos fragmentos da fratura.

 

 

Imobilização

A imobilização é colocada durante aproximadamente 4-8 semanas em adultos e 3-4 semanas em crianças, sendo possível após esse período mover o braço com mais liberdade.

 

 

Tratamento

A obtenção de força muscular e funcionalidade é geralmente conseguida após um período de cerca de 12 semanas, mas a consolidação completa pode acontecer em 6 meses ou mais.

 

Tratamento Cirúrgico

Alguns tipos de fratura proximal do úmero são tratadas cirurgicamente, dependendo do tipo de fratura e da sua gravidade, avaliada por radiografia e pelo médico ortopedista.

 

Tratamento conservador

Inicialmente, após a retirada da imobilização, o paciente apresenta muita dor e inchaço em todo o membro (até à mão). 

 

Nesta altura deve ser iniciada a Fisioterapia a todo o membro superior, com os principais objectivos de reduzir a dor e edema, assim como recuperar a força e a funcionalidade do braço e mão. 

 

O retorno ás atividades desportivas deve ser feito 4-6 meses após a fratura, podendo ser necessário pelo menos um ano para que o inchaço e a dor desapareçam.

 

Na Fisioterapia Lisboa temos à sua disposição uma equipa de fisioterapeutas experientes na recuperação de patologias músculo-esqueléticas, como é o caso destas fraturas. Venha conhecer-nos!